13/06/2017

(+) cinco lições antes dos 26 || Personal


Sei que soaria melhor seis lições antes dos vinte e seis, 
mas imaginem quando chegar aos vinte e nove

Irra, tinha de levar muita "porrada" da vida pá. 

Os vinte e seis estão aí a estalar e por esta altura, no ano passado, partilhei convosco 5 lições antes de celebrar 25 anos, agora a coisa repete-se com os 26. Até tremo ao saber que já vou pôr o pézinho "fora da margem" e tomar o gosto de estar "a caminho dos 30"...

- Não te conformes. Seja em que situação for. Custa quando chegamos à conclusão que temos de mudar algo na nossa vida. Sentes-te triste, mas tens medo de bater o pé porque ficas com a sensação que vais perder tudo o que tinhas... É normal, mas bate o pé com força. O que cair, não estava nos planos ficar.
- Não é à primeira, nem à segunda... Faz para ser à terceira. Não tenho problemas em dizer que chumbei duas vezes no meu exame de condução. Mas soube-me pela vida quando passei. Isto para dizer que, já mesmo sem forças, arranja maneira de ultrapassar o obstáculo. Grow some balls! 
- Bastam apenas 20 segundos de coragem. Para tudo o que tens medo. Faço desta a minha "frase" para 2017.  Aplico isto maioritariamente ao meu medo de conduzir sozinha. A primeira vez que saí com o carro estava a chover torrencialmente e ia ter com amigas, estava em pânico. Ou quando fui à terrinha vizinha e estava aterrorizada porque já sabia como era o caminho, mas uma coisa é o instrutor ter pedais do lado dele (para os pontos de embraiagem)? (Podemos aplicar isto até ao que escrevi no primeiro ponto.)  
- Nunca digas "nunca". Preciso explicar muito? "Ah e tal tatuagens gosto de ver nos outros, nunca faria uma." - pimba, já lá vão duas. Ou então "Ginásio, eu? Nunca." - *pow* já lá vão quatro meses. O único "nunca" que é fiel, é o "nunca sabemos o dia de amanhã".
- "(...) Por vezes, não teres o que queres é uma sorte." A vida sabe disciplinar-nos quando estamos com uma birra daquelas "Está tudo contra mim! ... As coisas nunca correm como eu quero." - pois e ainda bem que assim é. Cegamos com a vontade das coisas correrem ao nosso gosto, que nem pensamos "E se acontecesse? Agiríamos realmente como imaginamos na nossa cabeça?". De certeza que não...

E vocês? Que lição importante já aprenderam este ano?

4 comentários:

  1. Olha, eu com 25 acho que ainda não aprendi esta lições meu bem, mas prontoo!
    THE PINK ELEPHANT SHOE

    ResponderEliminar
  2. A lição que aprendi este acho é que por mais que as foi sejam difíceis não devemos desistir daquilo que realmente importa.
    Gostei muito de ler este post.
    Beijinhos:)
    https://dailyvlife.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  3. Aprendi que, embora seja possível viver sozinha, nós não fomos feitos para estar sozinhos no mundo! Não fomos feitos de barro/aço/ferro/madeira, precisamente porque se torna impossível aguentar todas as situações da vida sem as partilhar com alguém. E não devemos ter receio de pedir ajuda ou refugiarmo-nos no abraço do outro!

    ResponderEliminar