27/10/2016

#15


Ao ler a maravilhosa publicação da Catarina, autora do Daydreams, de como foi escolher o seu vestido de noiva e todo o processo que se seguiu, dei por mim a imaginar quando fosse a minha vez. (Vão ler  publicação dela, e vejam-me aquelas fotografias - a Catarina estava tão lindaaaaaa!)

O que é? Não digam que nunca o fizeram, porque até vocês já pensaram nisso de certeza! :D

Ver aqueles programas na TV, das noivas a experimentarem tudo o que é modelo, realmente fico com uma curiosidade enorme em relação ao sentimento do "tal vestido". O que é que realmente correrá na nossa cabeça? Sentir-se à adrenalina, as borboletas no estômago, teremos visões do dia em que diremos 'sim? Muito comum é chorar, mas o que sentiremos realmente?

Será que vou chorar? Mas muito antes de avançar... Irei dizer o sim? 

Não sou contra o casamento, e não nego a possibilidade de me casar. Mas também acredito que não seja preciso um anel no dedo para termos um "amor para o resto da vida". Claro que aqui o "gene de princesa" dispara e imagino o meu dia, o vestido, o espaço, e todas essas coisas... Mas voltando ao "vestido" e ao dia em que o experimentamos,

Será que chorava? Chorona como sou acredito que sim, mas acredito também que me dê um ataque de riso, provocado talvez por um ligeiro nervosismo e excitação. E como seria o modelo?  O modelo sei qual gostaria de usar, e até em conversa relembraram-me que poderia vir a escolher um vestido preto. 

Acreditem, usaria preto se fosse "o tal".

7 comentários:

  1. Sempre fui totalmente contra clichés. Achava que quando experimentasse o vestido não iria chorar, blá blá. Fui com uma ideia muito concreta e nada me parecia bem, até ao tal. Até aquele menino que eu experimentei e me entalou logo a garganta. Não sei, é uma sensação estranha mas tu sabes. Porque acho que é quando vestes 'o tal' que te sentes noiva pela primeira vez :) Devia ter feito uns posts sobre isso na altura, nunca me lembrei x)

    THE PINK ELEPHANT SHOE // facebook // instagram //

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Por acaso fiquei a aguardar mais publicações em relação ao teu dia. :3
      Principalmente a questão do vestido. :D

      Eliminar
  2. Não sei porquê, mas nunca tive o sonho de me casar. Nunca pensei nisso, nunca o desejei. Não acho que seja o dia mais importante da nossa vida, sinceramente. E como disse lá pelo blog da Catarina, não gosto de vestidos de noiva, de nenhum género. Nem vejo necessidade de ter de ser um vestido. Nem sequer vejo qual é o objectivo de haver um casamento. De qualquer das formas, isto é para mim. O que interessa é que o dia (ou a não existência desse dia) faça sentido para as pessoas em questão. E, já agora, que se casem porque querem realmente, e não porque "manda a tradição".

    Mas indo ao tema central deste post: eu gosto de noivas diferentes. Por isso, força! Se encontrares um vestido preto que gostes, vai de preto! Iria adorar ver uma noiva assim...

    ResponderEliminar
  3. Confesso que não tenho grande vontade de casar mas quem não gostaria de experimentar vestidos de noivas? Nem que fosse só pela experiência :p

    ResponderEliminar