19/02/2015

O Caminho das Lendas: Igreja Matriz || Photography


Eis mais uma parte do Caminho das Lendas! Para quem está a acompanhar-me nesta aventura, começámos pela Avenida da Repúblicacerto? Mas para quem é novo por cá, o Caminho das Lendas trata-se de um percurso para turistas na minha cidade querida, e decidi partilhá-la convosco aqui no blog! No post de hoje vamos até à Igreja Matriz, que ficava mesmo no final da Avenida.

A Igreja tinha tantos detalhes maravilhosos (no interior e exterior) que não sabia o que fotografar, imaginem! Se bem que por uma questão de respeito apressei-me nas fotos ao interior... Mas poderia levar horas a apreciar todos aqueles detalhes. O engraçado nisto é que gosto de ver igrejas, mas nunca tinha visitado "a minha". - É verdade! E o melhor foi que tive a oportunidade de subir até à torre dos sinos! Mas teve de ser depressa porque estavam a poucos minutos de tocar quando lá cheguei... E as vertigens... Subir as escadas foi um berbicacho. Parecia um macaco aranha agarrada às paredes!


- Igreja Matriz:

A Igreja demorou vinte anos a ser construída! Foi edificada no séc. XVII graças ao esforço da população. A fachada tem seis janelas nos andares superiores decoradas no estilo barroco. No topo inscreve-se um medalhão dedicado a Nossa Senhora, suportado por dois anjos. Ao lado está a torre sineira com remate piramidal, coroado com um catavento com a silhueta de um anjo.

Antigamente:

Hoje:





Depois de visitar a Igreja Matriz e o seu interior, fui para a rua:

- Na frente da Igreja, está a Praça da Restauração. Onde foi construído, em 1768, a Confraria Real do Corpo Santo dos Mareantes, por outras palavras, o Comprimisso Marítimo. Hoje é o museu da cidade e atrás está uma pequena igreja para velórios.



Antes:


Hoje:




Depois de visitar estes dois lugares, desci as ruas em direção ao mar. Parei entretanto para dar os bons dias á Floripes, que será o tema do próximo post sobre o caminho das Lendas. :)








2 comentários: